O Curso de Serviço Social forma Assistentes Sociais, que são profissionais habilitados a analisar, elaborar, coordenar e executar planos, programas e projetos que viabilizam os direitos da população e seu acesso às políticas sociais tais como: saúde, educação, habitação, assistência social, cultura, entre outras. É uma profissão que tem várias possibilidades de emprego, tanto no serviço público como no privado, em organizações não governamentais, fundações, associações, cooperativas e movimentos sociais.

A atuação em empresas privadas, ONGs, abrigos, escolas e o oferecimento de consultorias são outras possibilidades de empregos para o assistente social. Recentemente, o Conselho Federal de Serviço Social (CEFSS) constatou que a demanda por profissionais dessa área vem crescendo consideravelmente, em especial na área de saúde.

Os Assistentes Sociais analisam as condições de vida da população e orientam pessoas ou grupos sobre como ter informações, acessar direitos e serviços para atender às suas necessidades sociais. Também elaboram laudos, pareceres e estudos sociais e realizam avaliações analisando documentos e estudos técnicos, e coletando dados e pesquisas. Suas intervenções sempre são voltadas para a garantia dos direitos de seus usuários, , para uma consciência cidadã, igualdade social, bem como a promoção do seu bem estar.

São profissionais que não atendem apenas pessoas das classes menos favorecidas, mas também a população geral que tem seus direitos violados ou que estão em situação de vulnerabilidade social.

Para estar apto a atuar no mercado de trabalho, o profissional, além do curso superior, precisa do registro do Conselho Regional de Serviço Social (Cress). O Dia do Assistente Social é comemorado em 15 de maio.